Programação DTI 05 – Comunicação e Identidas Culturais

Quinta-feira, 16 de novembro

14 às 16h
Sessão 1
Coordenador: Gisela Castro

Sala Exposições

0129/Marta Cristina Pongidor

A Identidade Masculina na publicidade de cosméticos contemporânea

Gisela Castro

VELHO É O SEU PRECONCEITO: novas caras da velhice na publicidade

0315/Kareen Terenzzo

Jane Fonda e o envelhecimento prêt-a-porter

085/Mayka Castellano

CRIANDO MENINOS, CRIANDO MENINAS: identidade de gênero na autoajuda de aconselhamento parental

0569/Sandra Machado

ESTEREÓTIPOS DE GÊNERO MEXEM COM AS NOSSAS CRIANÇAS: a demanda por papéis-modelo positivos na indústria audiovisual

 

0581/Renata de Oliveira Tomaz

Crianças, sociabilidade e YouTube

 

16h às 16h30

 

Intervalo

16h30 às 18h30
Sessão 2
Coordenadora: Catarina Duff Burnay

SALA EXPOSIÇÕES

0224/Tatiana Siciliano

O país de “Vale Tudo” mostra a sua cara?: identidade nacional, cultura e telenovela

048/Cláudia Cambraia

A invisibilidade das mulheres negras nos media

0534/Wagner Dornelles

Panorama da representação negra nos longas-metragens animados no Brasil

0674/Alan Santos de Oliveira

Ogbon: elementos para uma comunicação nagô no Brasil

0402/Anselo Poves Tello

Una programación televisiva para educar en la diversidad: el modelo suizo

0168 / EVERARDO ROCHA (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro)

AS MULHERES E SUAS COISAS: Os bens de consumo e a construção do feminino nos anúncios publicitários

Sexta-feira, 17 de novembro

14 às 16h
Sessão 3
Coordenador: Gisela Castro

Sala Exposições

0398/Naiara Evangelo

“IT’S A MATCH! YOU AND RIO HAVE LIKED EACH OTHER”: O Tinder como mediador de experiências e identidades entre estrangeiros brasileiros no Rio de Janeiro

074/Paulo Fragoso

CORPOS-SEM-CABEÇA NO GRINDR: o entre-lugar do feminino nas construções de perfis

0283/Rita Sepúlveda

A aplicação de onlin dating Tinder na imprensa Portuguesa: uma análise exploratórioa entre 2012-2017

0279/Tomaz Penner

Vloggers LGBT+ brasileiros: um mapeamento de identidades de gênero e orientações sexuais

0268/Maria das Graças Coelho

“SE É POR FALTA DE ADEUS…”: emoções, cultura e identidade no Brasil contemporâneo

0310/Luiz Felipe

#BRxPT e a primeira guerra Memeal: nacionalismo e identidade na contramão da cibercultura

14h às 16h
Sessão 4
Coordenadora: Catarina Duff Burnay

SALA Descobrimentos Portugueses

 

0533/Inês Amaral

Discursos Identitários e União Europeia: um estudo exploratório com jovens portugueses

0241/Camila Queiroz

Corpos Disponíveis: as hifenizações que marcam as experiências de migrantes brasileiras em Portugal

0259/Dayse de Araujo

Quem é o novo docente universitário? A construção das identidades locais, nacionais e globais

0368/Viviane Riegel

“Tudo Bom”: um encontro entre Israel e Brasil, um possível caminho cosmopolita

0435/Alice de Oliveira

Indústria Criativa: trabalho e estilo de vida em Brasília

078 / Marcos Júlio Sergl PELO TELEFONE: polêmicas a respeito do primeiro samba gravado

 

16h às 16h30

 

Intervalo

16h30 às 18h30
Sessão 5
Coordenador: Gisela Castro

Sala Exposições

0535/Andréa Ortis

CONSTRUÇÃO DA IDENTIDADE: o feminino na série House of Cards

0626/Fabiana Crispino

LOBAS EM EXTINÇÃO: idadaismo feminino na série Grace and Frankie

0590/Mariana Vasconcelos

Construção de Identidade e dinâmicas de género em Mad Men

0528/Mariana Henriques

Representações Identitárias de género: o feminino em Verdades Secretas

0565/Luciomar de Carvalho

Representação e Género: identidade de género em Amor e Sexo

0675/Marisleida Ribeiro

Mídia e representação feminina: relações de Género, Cultura, Identidade, Consumo e Estereótipos – reflexões e análises entre Brasil e Portugal

16h30 às 18h30
Sessão 6
Coordenador: João Freire Filho

SALA Descobrimentos Portugueses

 

0364/Julia Salgado

Quando o “espírito” deve ser empreededor

0238/Francine Tavares

Adoecer de Amor hoje: mídia, gênero e estereótipo nacional

0479/Júlia Favoretto

Enquanto o amor não vem: engajamento com o self nas comédias românticas brasileiras

0474/Bruna Bakker

No limite do estresse: saúde, resiliência e gestão de si na revista VEJA (1968-2015)

0355/Júlia Versiani dos Anjos

O “Anjo do Lar” no século XXI: a página “Garota Conservadora” e a identidade feminina antifeminista

0288/Bruno Campanella

Celebridade, self produtivo e o reconhecimento mediático

             

Sábado, 18 de novembro

14 às 16h
Sessão 7
Coordenador: João Freire Filho

Sala Exposições

 

0393/Alejandra Beltrán

La negociación entre lo local y lo global en la prensa local mexicana. El caso Querétaro en el interior del país

0601/Leandro Peñaranda

La narco representación de Colombia en el New York Times durante la Guerra contra las Drogas (1984-1993)

0438/Rafael Mangana

A crise dos refugiados e a imprensa ibérica: o processo de framing na construção de identidades

0517/Gabriela Marques Gonçalves

La identidad gitana en Barcelona y los medios de comunicación

0147/Roberto Tietzmann

Jogos Olímpicos Rio 2016: representações identitárias através de um repertório audiovisual da cidade

 

16h às 16h30

 

Intervalo

16h30 às 18h30
Sessão 8
Coordenadora: Catarina Duff Burnay

Sala Exposições

 

0132/Ana Luiza Moraes

Ciberdemocracia e representação: a pluralidade de vozes no debate público do site Pensando o Direito

0219/Gessica Valentini

Novas Tecnologias, Velhos Pensamentos: o jornalismo que desumaniza

0666/Maria Collier de Mendonça

O mapa da ilha: explorando os ícones, índices e símbolos na identidade multicultural de Santa Catarina

075 / Cledineia Carvalho Santos

IDENTIDADE ÉTNICA: narrativas de uma comunidade quilombola em um vídeo-documentário

0562 / Sara González Fernández

LA MUJER COMO AGRESORA EN GAME OF THRONES: Aproximación a la relación del género femenino con la violencia